Bulimia Nervosa

Muitas vezes, por causa dos padrões de beleza da nossa sociedade, as garotas na adolescência, ou ainda jovens, na faixa dos trinta anos, desenvolvem doenças que estão relacionadas ao desejo de ficarem mais magras. As duas doenças mais comuns deste tipo são a anorexia e a bulimia nervosa.

O que é Bulimia Nervosa?

Ao contrário da Anorexia Nervosa, a pessoa que possui Bulimia não chega a ficar abaixo do peso. Há um rápido consumo de uma grande quantidade de comida em um curto período de tempo. O sentimento de culpa faz com que a pessoa provoque vômito em seguida.anorexia-e-bulimia

Geralmente, a bulímica age na clandestinidade. Toma laxantes por conta própria e mente até para si mesma. Um exemplo disso é uma paciente que aqui chamamos de Mariana, para evitar expor nomes reais.

"Começaram a sumir vários pacotes de bolacha, Mariana acusava a irmã de tê-los comido. Dias depois encontrei vários pacotes vazios espalhados pelo quarto dela. Parecia que ela queria escondê-los dela mesma. Alguns estavam numa caixa de sapato, outros em cima do armário, havia pacotes vazios em lugares inimagináveis! " diz a mãe de Mariana.
"Mariana costumava trancar-se no banheiro para tomar banho. Chegava a tomar quatro banhos por dia. Tudo para poder vomitar escondido."
" Ela nunca admitia o que havia feito, mentia maravilhosamente bem ao afirmar que não havia vomitado, e quando mostrávamos os resquícios que ela deixava, punha-se a chorar desesperadamente."

Leia também sobre anorexia nervosa

Problemas causados pela Bulimia Nervosa

Os vômitos freqüentes e o abuso de laxantes e diuréticos provocam:

  • dores de garganta ou estômago;
  • fraqueza e cansaço fácil;
  • desmaios;
  • face inchada e dolorida;
  • dor abdominal, náuseas, sensação de inchaço na barriga;
  • diarreia e constipação;
  • vômitos com sangue;
  • alterações menstruais;
  • câimbras e dores musculares.

Complicações que a Bulimia Nervosa traz

  • Problemas cardiovasculares – devido a perda de substâncias como o potássio ou a ingestão de medicamentos que provocam vômitos;
  • Deficiências de vitaminas e sais minerais – devido a perda de potássio, magnésio e cálcio;
  • Dentárias – o ácido do vômito é responsável por cáries numerosas, perda de dentes e doença gengival grave;
  • Renais – devido ao uso abusivo de diuréticos e perda de potássio e outros eletrólitos;
  • Endocrinológicas – devido ao uso abusivo de um hormônio contido em remédios para redução de peso.
  • Gastrintestinais – ( esofagites, gastrites, úlceras ) – devido a desidratação, hipoglicemia ou abuso de medicações.

Tratamento para Bulimia nervosa

O tratamento para a bulimia é composto de diversos itens, não é um tratamento unidimensional. Abaixo estão listados os aspectos mais comuns do tratamento para a bulimia.

  • uma educação alimentar – feita pela nutricionista;
  • tratamento medicamentoso – feito pelo psiquiatra;
  • terapia cognitivo-comportamental – feita com a colaboração dos pais, visando interromper o ciclo de vômitos e jejum;
  • psicoterapia individual – feita pelo próprio paciente;
  • orientação familiar – feita pelo médico de acordo com o caso.

Copyright eSobre - Politica de Privacidade

;